Prefeito tem muitas cruzes a carregar por promessas descumpridas


O vereador Gilmar Santiago (PT) disse que se o prefeito ACM Neto pagasse por promessas não cumpridas, teria muitas cruzes a carregar. Entre elas, a do ar condicionado em todos os ônibus da cidade, feita pelo então secretário José Carlos Aleluia, que declarou à imprensa no dia 27 de março de 2013: “nenhum novo ônibus será incorporado a frota se não tiver ar condicionado após a licitação. Quem comprar ônibus sem ar condicionado ficará sem rodar”.

“Mais uma vez o prefeito mostra que entre os usuários e os empresários de ônibus, ele fica com os empresários. Em vez de ônibus climatizados para todos, a prefeitura reeditou os ‘frescões’ com tarifa de R$ 5,00, sem meia-passagem e sem gratuidade para idosos”, criticou Gilmar, lembrando que o metrô custa R$ 3,30, mesma tarifa dos ônibus comuns, tem ar condicionado, meia-passagem e gratuidade para idosos. “Se o metrô pode, por que os ônibus não? ”, questiona.

Gilmar destaca ainda que os 750 ônibus novos prometidos pelo prefeito na licitação de 2014 viraram 900 em 2016 e ninguém viu sequer metade deles. “A capital nacional do desemprego tem ônibus velhos pintados de novo, sem internet grátis e sem tarifa zero para desempregados, como já acontece em algumas cidades”, resume.

Post em destaque
Postagens recentes