Gilmar reivindica agência do Banco do Brasil para o Subúrbio Ferroviário


Uma agência do Banco do Brasil no Subúrbio. Esta foi a solicitação do vereador Gilmar Santiago (PT) ao governador Rui Costa, nesta segunda-feira (17), na solenidade de assinatura da ordem de serviço para mais uma obra de contenção de encosta, desta vez na Rua e Travessa Volts, em Rio Sena.


“Nesta região residem muitos servidores públicos estaduais e há uma grande quantidade de micro e pequenos empresários que precisam de um banco público para ter acesso aos salários e linhas de crédito”, justificou Gilmar.


O vereador, que é autor da proposta de criação do ‘Circuito da Moqueca’, para aproveitar a vocação natural do Subúrbio (pesca e gastronomia) na geração de emprego e renda, comemorou a afirmação do governador, de que vai criar condições de atrair empreendimentos para a região.


“É uma das áreas mais belas de Salvador, mas, infelizmente, foi abandonada pelo poder público municipal. Aqui em Rio Sena, fora da rua principal quase nada se vê de ação da prefeitura”, disse Gilmar. Na Rua e Travessa Volts, por exemplo, o lixo se acumula e não existe calçamento.

Post em destaque
Postagens recentes